Connect with us

Ansiedade

O excesso de celular está te deixando ansiosa(o)?

Published

on

celular ansiedade

ESTADÃO | Victor Sena

Não é o tempo de uso do celular que gera ansiedade, mas o que a pessoa faz ali. Para Marcos Alexandre de Medeiros, psicólogo e professor na Pontifícia Universidade Católica PUC-SP, o alto tempo de uso pode sinalizar que a pessoa passa por um “esvaziamento da vida real” e assim começa a focar em relações virtuais.

“O que pode gerar ansiedade é o que ela está fazendo no celular. Se ela tem contato com coisas agressivas, estressantes e intensas. Nenhuma ação por si só vai trazer ansiedade. O que vai trazer ansiedade é uma relação entre a ação da pessoa e ela ser seguida por punição inevitável”.

O psiquiatra Rodrigo de Almeida, mestre em Medicina pela Santa Casa de São Paulo e diretor do núcleo paulista de especialidades médicas, destaca que a medicina ainda não está “entendendo” a relação entre corpo, mente e tecnologia, mas já existem casos de depedência de telefone celular. Na abstnência dele, a ansiedade pode surgir.

“Algumas pessoas muito ansiosas ficam sempre olhando notícias no celular e isso teria um efeito calmante. É como se isso as desligasse de questões internas e as jogasse no mundo objetivo. Mas o uso de tecnologia pode causar ansiedade de separação no caso de quem já tem dependência de tecnologia”, explica.

Continuar Leitura
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Facebook

Advertisement

Mais acessadas